quarta-feira, 22 de abril de 2009

A visitinha inesperada!!!




Senta que lá vem a história(maridinho me desculpe, mas tinha q contar.... hahaha)

Estava eu, sentada meia deitada em meu sofá "maravilhoso" que precisa de um up, e no outro sofá meu maridinho, todo belo e formoso. Estavamos assistindo TV, qdo olho pra porta da cozinha e tenho a impressão q algo passou correndo...
Aí, a grande mulher maravilha aqui, resolvou tirar o traseiro gordo do sofá e ir pesquisar o que poderia ter sido: uma visão ou algo de fato!??!?!
Vai euzinha, de ponta de pé em direção a cozinha. Espia, espia e nada...
Aí falei:
-Marido, tem um rato aqui!
-Aqui aonde Elen?!??!
-Aqui, na cozinha, eu vi ele passando.
-Tem certeza?
-Claro que tenho!
-Há, vc deve ter imaginado coisas.
-Não, eu vi, tenho certeza.
-Há Elen, deixa disso e senta logo nesse sofá.
E eu fiquei lá na cozinha com cara de "pelo amor de deus, vc não vai fazer nada!??!?".
Bom, resolvi eu mesma olhar. Fui lá, levanta uma coisa, abre uma porta e nada. Procurei, procurei e nada. Resolvi me render, e concordar com o marido, q eu estava vendo coisas agora.
Sentei a buzanfa gorda no sofá de novo, mas sempre com o canto de olho na cozinha.
Quando dou uma esquecida do assunto, lá vem o dito cujo do rato em direção a sala.
Pra que, dei lhe um grito, catei o chinelo q tava no chão e mandei ver nele.... (errei)
Pronto, levanta eu de novo e vai pra cozinha. Mas é claro, fui xingando até a quinta geração do rato.
-Porcaria de um rato, filha da mãe, tá pensando o que? Da onde veio essa praga?
Olho pra porta da cozinha e as duas maledetas, q eram pra estar correndo atrás da praga, bem sentadinhas lá, olhando pra mim com cara de "o problema é seu"...
Minha gente, berrei o marido e falei:
-Quer fazer o favor de levantar daí e vir matar essa porcaria aqui....
E lá vem o Zé Buscapé:
-Elen, para com isso, deixa o rato em paz, com o tamanho do berro q vc deu, ele morreu com o susto.
-Marido, calma lá, tá com medo?
-Que medo, não é medo, eu apenas não gosto de rato...
Pronto, agora além de ter 2 cachorras q não servem pra nada, o marido tem medo de rato.
Garrei um ódio disso tudo: das cachorras, do marido e do Sr.Esperto Rato!!!
Desci na casa da sogra e peguei emprestada a cachorra(pois ela caça rato e demais bichos).
Sobe eu, a cachorra, a cunhada(15 anos) e o cunhado(13 anos). A Ester ficou na minha sogra.
A cachorra já chegou chegando, fuçando, cheirando e o marido veio na cozinha, meio na reserva. Eles começaram a fuçar e eu fiquei na porta que vai pra sala com a vassoura em punhos e a minha cunhada com o rodo, na porta que sai pro corredor.
De repente, aparece o ator principal, rodeado pela cachorra.
Meu cunhado sai correndo tentanto matar o rato, o marido fica olhando a cena,meio q apavorado.
Nisso, o rato(q a essa hora já tinha sido xingado de tudo quanto é nome), dá uma virada tenta voltar pro cantinho da parede, o marido vai atrás(num ímpeto de coragem), mas o danadinho do rato, dá uma meia volta e começou a ir em direção do marido.
Marido que é moreno, fixou os olhos no rato, deu uma embranquecida e subiu no fogão. Como?!? Hã?!? No fogão??!
Sim, minha gente, ele resolveu fugir do ataque do rato subindo no fogão.
Eu paralizei mediante a cena, aquele puta homem, q é forte, trabalha pra caramba, em cima do meu fogão...... (é pra cabar a noite)
Nisso meu cunhado, o salvador da noite, pisa no rato.... (ploft)
Pronto, acabou a caçada do rato e desce meu "herói do fogão", com cara de nada...
Gente, eu não sabia se ria, ou se tirava sarro do todo poderoso.
Desci na sogra, levei a cachorra, a cunhada, o cunhado e contei pro meu sogro q chamou meu marido de o "grande caçador de ratos".... hahahahahaha
Desculpa marido, eu tinha q contar....





7 comentários:

Ruby Fernandes disse...

Oie! Passei para agradecer sua visita, mas tô aqui morrendo de rir com a história do rato hahahaahh! Maridoco não vai gostar de saber né? Bjokas querida e volte sempre tá?

Elen disse...

Eu até sei q quando ele souber q contei aqui, ele vai me matar... mas não resisti... hauhauhauhauhau

Ozenilda Amorim disse...

kakakaka, tinha que contar mesmo, essa foi a melhor história do ano, visualizei tudinho, deve ter sido hilário.
Valeu pela visita e pelo comentário no blog e na promô.
;)

Sabrith disse...

KKKKKKKK DEPOIS DESSA SEU MARIDO VAI QUERER SUMIR DO MAPA!!!
AH! ESSES HOMENS...

Sonia-mae dos reguilas disse...

o que já ri com a história do rato lololololo

Andréa disse...

Menina estive visitando seu blog, vinha do blog da Dani, essa estória do rratinho é um barato! dá até pra escrever um livro. adorei o modo como vc conta, fiquei vendo seu blog + de 1 hora e nem quero sair,o problema é que tenho afazeres, mas outro dia eu volto, bjos e fica com Deus!vou deixar meu email.

ミ★ є∂ι ★彡 disse...

kkkk amiga morri de rir... E viva o cunhado!!! rsrs
Beijos Edi