quarta-feira, 6 de maio de 2009

To triste hoje...


Estou triste, magoada, chateada...
Fui "convidada" para estar participando de um curso em Praia Grande - Santos, que vai começar amanhã dia 07 e irá até sábado a noite. "Convidada" a participar sem poder dizer não... boa essa né?!?!
Agora vou explicar pq estou triste.
A festa de dia das mães da minha pequena será na sexta-feira, e não vou poder ir.
E desde sexta-feira passada, todo dia, ela está trazendo um cartão com mensagens.
Todo dia ela tem chegado com tanta alegria pra entregar seu "biete"(bilhete na sua linguagem... rs).
Ela chega sempre contente....
E a cada "biete" entregue por ela, eu sinto uma punhalada em meu coração.
Tá certo que para algumas pessoas, isso é sentimentalismo, mas pra mim não é.
Pra mim é uma data que parei de comemorar em 1995 com a morte de minha mãe e que só passei a comemorar novamente no ano de 2005, quando a Ester ainda estava em minha barriga.
Neste momento, estou escrevendo essa mensagem com lágrimas em meus olhos.
Que me desculpem, mas estou chorando.
Como já disse, pra alguns apenas mais um sentimento barato, mas pra mim, é muuuuito importante.
Estou chateada demais.....
E vou parar de escrever, pois nada irá mudar a opnião de meu chefe.
Obs.: Não sei se vou postar algo qdo estiver por lá, mas prometo q na segunda-feira contarei as "novidades".

4 comentários:

Vivia disse...

ahhhhhhhhhhhh
migaaaaa....fica assim não!!!
não é f´cail msm...dá uma aperto no coração...e agente sabe..que não adianta..ninguém poderá nos sustituir..seja quem for...pq quem eles querem msm são as mães..poxa amiga...
mas tenten msm de longe...mostrar...o qto vc queria estar lá...num sei a distancia...liga manda msg..não sei...
mas o amor de mão ultrapassa todas barreiras!!!!!
bjkssssssssssssssssss

Si disse...

Olá,amiga.Tentei falar com vc hoje e temos muito em comum, é esse tal sentimnetalismo que vc vem falando.Sabe as vezez na vida tempos que abrir mãos de certas coisas p/ o melhor de nossos filhos, e tenho certeza que é por ela também que vc esta indo p/ Santos.Eu sofro assim no dia dos Pais, porque não tenho pai, ele faleceu.Voc~e não tem mãe, mas tem uma filha que Deus colocou em sua vida, p/ lhe trazer muitas alegrias.Explique para ela, diga que é também por ela que vc esta indo a trabalho.E olha, nada que sentimos é insignificante, é seu, é importante sim.
Só quero que fique bem, tudo dara certo e no domingo vai ver o sorrisão dela do seu lado.Um grande abraço e seja feliz. Carinhos p/ vc.

Vanessa disse...

Oiiiiii
não tristii.. se alegra.. que a vida é bela!!
viu querida!!
não vai ter núemros no sorteio do meu blog..
vou copiar e colar todos os nomes no word, para não ter problema de esquecer algum nome.. então vou imprimir.. recortar todos os nomes.. e sortear... hehehe
Beijos

DAIANE- MEUS TRICOS disse...

ola tdo bem?
olhe eu lhe entendo, e sei q não é facil pois sentimento de mãe é assim, nos choramos por nada, ficamos feliz por nada,e ainda mais na sua situação pois é ate mais importante para eles do que pra nos, pois eles ensaiam, fica na espera do grande dia.
Mas faça ela apresentar pra vc no domingo no almoço como se ela fosse a personagem pricipal!!!
Ela ira se sentir feliz...

bjusss querida